EJA ENSINO MÉDIO

A Escola  Ludwig | Centro de Ensino Galeano oferta o Ensino Fundamental EJA (anos finais e ensino médio), desenvolvendo processos educativos que integram o conhecimento, as práticas sociais, o mundo do trabalho, o confronto de problemas coletivos e a construção da cidadania.

•    Escolher o registro adequado a situação na qual se processa a comunicação e o vocabulário que melhor reflita a ideia que pretende comunicar.
•    Utilizar os mecanismos de coerência e coesão na produção oral ou escrita;
•    Utilizar as estratégias verbais e não verbais para compensar as falhas, favorecer a efetiva comunicação e alcançar o efeito pretendido m situações de produção  leitura.
•    Conhecer e usar a língua estrangeira moderna como instrumentos de acesso as informações a outras culturas e grupos sociais.


Matricule-Se Agora!

•    Discutir os conceitos de “socialização” e “sociedade”;
•    Discutir o conceito de “instituições sociais”. Apresentar algumas instituições sociais (família, escola, trabalho, Estado/governo e Igreja/Religião) como formas de organização social historicamente condicionadas, não naturais e permeadas por relações de poder;
•     Apresentar aos alunos o contexto histórico da formação da sociologia, a sociologia enquanto “filha da modernidade” (filha do iluminismo, da revolução industrial, e da revolução francesa), apresentar a sociologia na visão “positivista” de seu fundador, Augusto Comte;
•    Apresentação dos conceitos e pressupostos das teorias sociológicas clássicas: Durkheim (“grupos sociais”, “fatos sociais”, “consciência coletiva”), Weber (as tipologias da “ação social” e a “racionalização do mundo”) e Marx (“luta de classes”, exploração no capitalismo, a “concepção materialista da história”).
•    Apresentar as diferentes concepções de “trabalho” ao longo da história (Antiguidade, Idade Média, Capitalismo) e apresentar as concepções de “trabalho” e “divisão social do trabalho” em Durkheim, Weber e Marx;
•    Reflexão sobre os conceitos de “mais valia” e a diferença entre “valor” e “preço”;
•     Discutir as relações de trabalho no Brasil: transformações e permanências no mundo do trabalho e no mercado de trabalho no Brasil do final do sec. XIX ao sec. XXI.
•     Discutir as mudanças no mundo do trabalho analisadas pela sociologia (Fordismo-Taylorismo, Toyotismo, emprego/desemprego e qualificação profissional).
•     Reflexão sobre a gênese e o conceito de “globalização” e “divisão internacional do trabalho.
•     Relacionar “mundo do trabalho” e “mundo do capital” (cartéis, trusts, holding’s, o poder dos bancos e do sistema financeiro no capitalismo atual)


Matricule-Se Agora!

•    Criticar, analisar e interpretar fontes documentais de natureza diversa, reconhecendo o papel das diferentes linguagens, dos diferentes agentes sociais e dos diferentes contextos envolvidos em sua produção.
•    Produzir textos analíticos e interpretativos sobre os processos históricos, a partir das categorias e procedimentos próprios do discurso historiográfico.
•    Relativizar as diversas concepções de tempo e as diversas formas de periodização do tempo cronológico, reconhecendo-as como construções culturais e históricas.
•    Estabelecer relações entre continuidade / permanência e ruptura / transformação nos processos históricos.
•    Construir a identidade pessoal e social na dimensão histórica, a partir do reconhecimento do papel do indivíduo nos processos históricos simultaneamente como sujeito e como produto dos mesmos.
•    Situar as diversas produções da cultura – as linguagens, as artes, a filosofia, a religião, as ciências, as tecnologias e outras manifestações sociais – nos contextos históricos de sua constituição e significação.
•    Situar os momentos históricos nos diversos ritmos da duração e nas relações de sucessão e/ou de simultaneidade.
•    Comparar problemáticas atuais e de outros momentos históricos.
•    Posicionar-se diante de fatos presentes a partir da interpretação de suas relações com o passado.


Matricule-Se Agora!

•    Descrever as transformações químicas em linguagens discursivas.
•    Compreender os códigos e símbolos próprios da Química atual.
•    Traduzir a linguagem discursiva em linguagem simbólica da Química e vice-versa. Utilizar a representação simbólica das transformações químicas e reconhecer suas modificações ao longo do tempo.
•    Compreender dados quantitativos, estimativa e medidas, compreender relações proporcionais presentes na Química (raciocínio proporcional).
•    Reconhecer tendências e relações a partir de dados experimentais ou outros (classificação, seriação e correspondência em Química).
•    Selecionar e utilizar idéias e procedimentos científicos (leis, teorias, modelos) para resolução de problemas quantitativos e qualitativos em Química, identificando e acompanhando as variáveis relevantes.
•    Desenvolver conexões hipotético-lógicas que possibilitem previsões acerca das transformações químicas.
•    Reconhecer aspectos químicos relevantes na interação individual e coletiva do ser humano com o ambiente.
•    Reconhecer o papel da Química no sistema produtivo, industrial e rural.
•    Reconhecer as relações entre o desenvolvimento científico e tecnológico da Química e aspectos sócio-político-culturais.
•    Reconhecer os limites éticos e morais que podem estar envolvidos no desenvolvimento da Química e da tecnologia.


Matricule-Se Agora!

•    Descrever as transformações químicas em linguagens discursivas.
•    Compreender os códigos e símbolos próprios da Química atual.
•    Traduzir a linguagem discursiva em linguagem simbólica da Química e vice-versa. Utilizar a representação simbólica das transformações químicas e reconhecer suas modificações ao longo do tempo.
•    Compreender dados quantitativos, estimativa e medidas, compreender relações proporcionais presentes na Química (raciocínio proporcional).
•    Reconhecer tendências e relações a partir de dados experimentais ou outros (classificação, seriação e correspondência em Química).
•    Selecionar e utilizar idéias e procedimentos científicos (leis, teorias, modelos) para resolução de problemas quantitativos e qualitativos em Química, identificando e acompanhando as variáveis relevantes.
•    Desenvolver conexões hipotético-lógicas que possibilitem previsões acerca das transformações químicas.
•    Reconhecer aspectos químicos relevantes na interação individual e coletiva do ser humano com o ambiente.
•    Reconhecer o papel da Química no sistema produtivo, industrial e rural.
•    Reconhecer as relações entre o desenvolvimento científico e tecnológico da Química e aspectos sócio-político-culturais.
•    Reconhecer os limites éticos e morais que podem estar envolvidos no desenvolvimento da Química e da tecnologia.


Matricule-Se Agora!